Retrospectiva livros de 2008 – II

Continuando a série e pedindo desculpas pelo PÉSSIMO post de ontem, repleto de repetições, erros, etc… Não vou ficar corrigindo, senão o ânimo acaba e não posto.

Voltando a vaca fria, hoje vou falar do melhor livro brasileiro do ano para mim. E não, não tem nada a ver com os muitos livros de FC e Fantasia lançados. Desses alguns foram bons, alguns pretensiosos demais, a maioria razoaveis. Mas a todos faltou… Alma. E alma não falta no primeiro romance da Fal Azevedo. Apesar de ser o primeiro romance, isso não quer dizer que a Fal seja principiante nesse negócio de escrever. Tem anos de estrada no seu blog, o maravilhoso Drops da Fal! além de dois ótimos livros de contos/crônicas, Crônicas de Quase Amor e O Nome da Cousa.

Em Minusculos Assassinatos e Alguns Copos de Leite, acompanhamos a dolorida trajetória de Alma (é, lá em cima eu fiz um trocadilho, me processem) entre altos e baixos, recomeçando longe da cidade. A história flui, reflui, vai e volta com delicadeza, nos envolvendo nos fluxos da vida de alguém que já perdeu tanto e mesmo assim ainda tem muito para mostrar.

A trama envolve, os problemas de Alma sendo apresentados de forma não linear, indo e vindo de acordo com as lembranças dela. O mais interessante é que a narração partida, contando de forma pulada três ou quatro episódios por capitulo fecha bem, sem deixar o livro confuso ou chato.

Um dos baratos do livro é percveber os truques de construção coletiva. Os emails e as receitas que Alma cita são verdadeiros, parte das correspondências secretas que Fal recebe, na corrente humana e de amizades que se formou em torno de seu blog. Talvez seja isso, junto com o talento e o carisma humano da própria Fal, que torne esse pequeno romance tão cheio de vida. Mesmo que Alma pareça desesperançada e descrente, há força e vida em torno dela.

Sinceramente, essa qualidades ainda faltam na nossa literatura especulativa para que ela se torne tão humana quanto esse pequeno e maravilhoso livrinho.

Sobre anacristinarodrigues
Eu trabalho numa biblioteca. Estudo História. Escrevo. Leio. Traduzo. Uma traça que fala, basicamente.

One Response to Retrospectiva livros de 2008 – II

  1. Denis Moura disse:

    Vivências blogueiras reais transpostas para a ficção? Excelente a idéia da Fal. Nós blogueiros sentiremos, de agora em diante, mais Alma em frente ao “frio” computador.

    Abraços de Alma.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: